• Ana Avansini

Processo 100% legal

Passo à passo para não falhar e fazer um processo 100% legal


  • Reunir todos documentos necessários para a prática ( certificados de nascimento e casamento) e retificar todos ( e apenas ) erros que geram dúvida na linhagem simples da hereditariedade italiana.

  • Fugir de empresas ou profissionais que oferecem prazos milagrosos.

  • Se apresentar pessoalmente no município em que você vai requerer a cidadania, caso seja administrativa ou preencher a procuração específica para casos judiciais ( não - presenciais )

  • Ter uma residência válida na Itália. Não é permitido usar endereço de hotel, air bnb ou similares.

  • Aguardar a visita do vigile / messi comunale que confirmará que você vive naquele endereço. Pela lei, ele tem até 45 dias para passar, e pode passar quantas vezes quiser. Confirmando sua presença, ele fará um documento que certifica que você reside no endereço declarado e entregará ao Comune.

  • A prefeitura analisará toda a documentação e pedirá ao consulado brasileiro uma comprovação (N.R. ou Non Renuncia) de que nem você, nem seus antepassados renunciaram à cidadania italiana.

  • Depois que o consulado envia essa comprovação à prefeitura, suas certidões serão transcritas e a cidadania é finalmente reconhecida.

  • O processo pode variar de 60 dias até seis meses dentro da normalidade.

  • Com a cidadania já reconhecida, você poderá solicitar a Carteira de Identidade e o passaporte italiano.

  • Se a sua intenção não é permanecer na Itália, você deverá se inscrever no AIRE.


Conheça seu respaldo legal, veja as leis e circulares que regem o processo da cidadania:






9 visualizações0 comentário